Botei a mão na massa ... e adorei!

Nunca pensei que isso fosse acontecer um dia ....

IMG_1217.jpg

Mas minha querida enteada Rafaela, que mora em Ann Arbor - Michigan, teve a super ideia de nos matricular _ Renato, ela e eu _ numa aula de culinária no lugar onde ela trabalha como padeira artesanal ... no Zingerman's Bakehouse :))

L1070868.JPG

O tema da aula era: European Cookies!

L1070876.JPG

A aula começou às 13:30 (pontualmente) e foi até às 17 horas!

A estrutura, o material, a didática e a dinâmica foram excelentes!

L1070869.JPG

Nossos professores ... Kim e Dan.

Ela, já trabalhou no Bakehouse e ele, é aposentado e já teve uma padaria.

L1070873.JPG

No Zingerman's Bakehouse há 2 salas para os cursos (veja a programação AQUI) que são oferecidos o ano todo e os temas das classes são super ecléticos dentro do conceito de "assar" ... vai de croissants à pizzas passando pelas tortas, pães, bolos e, claro, os cookies que foi o tema da nossa aula.

L1070874.JPG

Numa tradução livre, diz no cartaz acima: Nós compartilhamos nosso conhecimento e o amor pelo ato de assar com profissionais de padaria buscando preservar as tradições do cozimento, inspirando novas pessoas e desenvolvendo a comunidade de ávidos padeiros.

E há as regrinhas ... como as de higiene ...

L1070875.jpg

E outras regras, como as de alguns passos importantes ao seguir uma receita!

Ler a receita "trocentas" vezes, é uma delas hahahahahaha !!!!!

L1070877.JPG

Bom ... introduções feitas, vamos à aula!

Éramos 8 alunos!

L1070882.JPG

E foram 3 as receitas de biscoitos (cookies) europeus que fizemos!

a) Almond Kifli, da Hungária

b) Pfeffernuesse, da Alemanha

c) Pignoli, da Itália

Primeiro, o professor explica a receita, faz todo o processo na nossa frente e, em seguida, nós começamos a trabalhar.

Achei ótima a descrição das quantidades ...

Aliás tudo era superrrrrr explicadinho :))

L1070890.JPG

Esse biscoito húngaro (o primeiro que fizemos) tinha uma massa bem fácil de fazer.

O ingrediente mais marcante, foi a farinha de amêndoas que, juntamente à baunilha em extrato e em pasta, deu a base à receita.

L1070878.JPG

Mistura-se tudo com muito cuidado porque o extrato de baunilha líquido, espirra e pode fazer uma boa sujeira no seu local de trabalho!

Da mesma forma, a farinha (purpose flower) que vai por último, também teima e saltar da tigela quando a gente começa a mexer hahahahahahahaha !!!!

L1070880.JPG

Massa pronta e agora, temos que arrumá-la em um formato que tenha 6 X 6 polegadas que é o tamanho da espátula que usamos para trabalhar.

Em seguida, envolvê-la em papel filme para ir para a geladeira por alguns minutos.

L1070884.JPG

Enquanto a massa do nosso primeiro biscoite gelava, começamos a segunda receita!

Foi o biscoito alemão de nome difícil de pronunciar ... Pfeffernuesse :))

Na massa vão vários ingredientes !!!!!!!

Os copinhos empilhados dentro do pote de açúcar (o branco), eram, cada um, de uma especiaria!

Fermento, creme de tartar, sal marinho, canela, noz moscada, cravo, pimenta preta, aniz, gengibre ... além da farinha, da manteiga e do ovo.

A receita deste biscoito leva, ainda, açúcar mascavo !

L1070889.JPG

Interessantíssimo como cada colherinha de chá de cada uma destas especiarias ia enriquecendo a massa e conferindo a ela cada vez mais complexidade de aromas ....

L1070896.JPG

Massa pronta, no ponto e na consistência corretos.

Fizemos então as bolinhas com aqueles apetrechos de .... fazer bolinhas hahahahahahahahaha !!!!

Cada um de nós recebe uma bandeija que irá para o forno ....

6 bolinhas numa direção e 4 na outra ... 24 bolinhas.

Mas eu, metida que sou, dei uma amassadinha em cada uma delas porque achei que seria minha contribuição à receita :))

L1070900.JPG

Em seguida, a massa dos biscoitos húngaros, voltou !!!!!!

Geladinha!

A missão agora era separar pequenas porções com o apetrecho de fazer bolinhas .... destas bolinhas fazer umas tirinhas e, delas, fazer meias luas!

Parece fácil, né?

Mas para mim, pelo menos no começo cada uma ficava num formato !!!!!!!!!!

L1070904.JPG

Todas as meias luas na bandeja e .... forno!

Terceiro e último cookie !!!!!

Os Pignolis ... italianos e deliciosos!

Todos são súper engordativos mas este, acho que ganha longe!

Olha a receita: amêndoas descascadas, avelãns descascadas, açúcar granulado, manteiga, sal marinho, mel e ovo :)) !!!!!!

Para a finalização, clara de ovo e pignolis (não tostados)!

L1070913.JPG

Tudo junto e misturado e a massa estava prontinha para ser trabalhada no formato que queríamos dar aos biscoitos!

Mais uma vez o apetrecho de fazer bolinhas foi usado!

Faz a bolinha, achata a bolinha, faz um disco ...

Pincela cada disco com clara de ovo (ah!!!! tivemos que separar as claras das gemas !!) e coloca-se os pignoles afundando-os um pouquinho nos discos de massa!

IMG_1215.JPG

Daí para frente, foi só alegria !!!!!!

Nossas bandejas iam chegando de volta dos fornos .....

Os biscoitos húngaros !!!!!!!!!!!!

Repare (de baixo para cima) como eles foram melhorando no formato :))

Ok .... nem tanto ....

L1070926.jpg

Os biscoitos alemães !!!!!!!!

Tudo bem se um deles ficou com uma pontinha queimada ????

L1070910.JPG

E, por fim, os italianos !!!!!

L1070930.JPG

Nos indicaram passar os biscoitos das 2 primeiras receitas no açúcar de confeiteiro.

Realmente, dá um upgrade no sabor e um acabamento interessante!

L1070922.JPG

E, para terminar, ganhamos caixas para acomodá-los e levá-los para casa !!!!!!

Olha que graça!!!!!

L1070934.JPG

E na tampa da caixa ..... a prova do crime !!!!!!

L1070937.JPG

Foi divertido, terapêutico e engordativo !!!!!!

Programão !!!!!!!

:))


  • Facebook Limpa
  • Instagram Limpa

Delícias da Vida: minha família - marido e filhas, minha casa que é o melhor lugar e ...  viagens!

As Filhas, sempre por perto, nem que de vez em quando, virtualmente.

Em casa, a Mesa posta com carinho, boa Comida, um Vinho ou Borbulhas geladas e Gente Querida!!!

Nos planos, sempre um Novo Destino e em Boa Companhia!

É disso que falo aqui: Estilo com Inspiração, Criatividade, Talento, Ideias, Inovação, Paixões, Originalidade .... Experiências!

Já passei dos 50, sou de Capricórnio com ascendente em Aquário e, assim, estou cada vez mais Leve e querendo Compartilhar as Boas Coisas da Vida!

 

 
Escrito por Mia Athayde