Vamos falar de colares?

A palavra colar, deriva do latim collum, que quer dizer pescoço.

Os colares desde os tempos mais remotos, eram elementos que traziam em si muitos significados e, a quem os usassem, eram conferidos poderes de força, proteção e cura.

Eu não encontrei registro algum sobre a origem deste adereço que, desde sempre, tem sido usado tanto por homens quanto por mulheres que querem com ele simbolizar algo ou apenas dar destaque e embelezar o pescoço ou o colo.

Mas arqueólogos encontraram numa caverna em Blombos, na África do Sul, as jóias consideradas as mais antigas da humanidade. Trata-se de pequenas conchas, que foram selecionadas e perfuradas há cerca de 75 mil anos para formar um colar, provavelmente usado como ornamento.

Já pensou que trabalho ?

Fotos: Folha Uol

Acho que eu, desde sempre, adoro colares ... aliás, enfeites ... todos!

E sempre tem um peduradinho no meu pescoço!

Uma amiga querida, Janisete Miller, um dia desses me deu a ideia de fazer um post sobre este assunto, os colares.

Pois é ... aqui estamos! Obrigada Jani!

Como vcs viram na primeira foto, tenho vários colares pendurados numa peça cheia de ganchos. Tudo bijuteria!

À vista e à mão!

Mais prático, impossível!

Alguns, no entanto, não podem ficar ali .. ficam guardados e, só lembro deles uma vez ou outra ....

É o caso deste colar na foto acima.

Ele era da minha mãe e, claro, tem um valor afetivo grande para mim :))

É em prata e o trabalho é muito bonito.

Aliás a prata não pode ficar exposta por muito tempo.

Muito menos em uma cidade poluída como São Paulo.

Por isso, o presente que ganhei do Renato no Natal passado, um colar maravilhoso da artista Lygia Durant, (quem quiser falar com ela, clique AQUI ) também fica protegido!

Muitos dos meus colares são antigos ... têm mais de 20 ou 30 anos!

É o caso do segundo da foto abaixo.

Gostei tanto dele que, comprei também em outras duas cores!

Vc vai ver mais adiante!

E gosto muito também de sementes, de contas, da madeira ...

Não sei é possível fazer colares de forma não artesanal, à mão, um à um ...

Olho para eles e imagino uma pessoa calma, paciente e curtindo fazer esse trabalho que precisa de tempo ...

Na gargantilha de pétalas vermelhas de uma artista de Florença, cada uma delas é feita em cerâmica! Delicadas e lindíssimas!!!!

Já o segundo, veio lá de longe .... Vietnã!

E o de bolinhas de tecido? Presente lindo e genuinamente mineiro!

Há alguns anos, fiquei encantada com o trabalho de um grupo de artistas artesãos que usavam sobras de borracha (petróleo) de uma fábrica e faziam estes colares lindíssimos enfeitados com o trabalho em linhas de seda!

O da esquerda, é um dos 3 colares japamala que tenho e uso muitooooo!

Contas claras, brancas, transparentes e "pérolas" (que amooooooooo) , fazem um efeito muito bonito nos nossos pescocinhos! Iluminam !

E os colares em metal?

Adoroooooo!

Nessa foto, estão alguns muito interessantes e que vieram de lugares distantes!

O segundo, da esquerda para a direita, é um amuleto tunisiano dos povos berberes.

O que está à direita dele, tem uma tampinha e recipiente para se colocar um algodão embebido em perfume.

O à direita deste, martelado, é do Atacama.

E o que está embaixo de todos, fazendo o "sorriso" desta foto, foi comprado no meio do nada, na Jordânia!

E, como a vida é bela e as cores alegram a vida, azuis e verdes do céu e do mar também aparecem por aqui para celebrar as boas coisas da vida !

E aí, vc gostou?

Então vamos nos enfeitar e sair por aí emoldurando os nossos colos que, mesmo com umas ruguinhas que fazem parte da vida, ainda podem carregar belos colares!


  • Facebook Limpa
  • Instagram Limpa

Delícias da Vida: minha família - marido e filhas, minha casa que é o melhor lugar e ...  viagens!

As Filhas, sempre por perto, nem que de vez em quando, virtualmente.

Em casa, a Mesa posta com carinho, boa Comida, um Vinho ou Borbulhas geladas e Gente Querida!!!

Nos planos, sempre um Novo Destino e em Boa Companhia!

É disso que falo aqui: Estilo com Inspiração, Criatividade, Talento, Ideias, Inovação, Paixões, Originalidade .... Experiências!

Já passei dos 50, sou de Capricórnio com ascendente em Aquário e, assim, estou cada vez mais Leve e querendo Compartilhar as Boas Coisas da Vida!

 

 
Escrito por Mia Athayde  
This site was designed with the
.com
website builder. Create your website today.
Start Now